11 de set de 2019

Criança diz sempre a verdade




    Fui convidada por minha amiga para a festa de aniversário da netinha dela, podemos afirmar,festa de criança exige muito serviço, muita dedicação,estava tudo sendo preparado no salão de festas do prédio onde minha amiga mora. O corre-corre estava longe de parar.
  Havia muito parentes,os priminhos da menina já estavam aguardando o momento da festa, havia muita gente cuidando para que os pequenos não sofressem nenhum acidente, e muitos estavam brincando na piscina,trabalho dobrado para todos.
   Minha amiga percebeu que sua netinha estava tendo um desentendimento com o irmãozinho menor que ela, e a menina é osso duro de roer, não deixa nada passar em branco, e ela sabia que não iria demorar muito para o tumulto se instalar em todo o ambiente. A discussão dos dois pequenos era devido a escolha de algum brinquedo, ela queria dar a última palavra, isso significava que a decisão seria dela. O irmãozinho também queria ter seu quinhão de razão, e as vozes já estavam alteradas.
    Minha amiga usando a sua psicologia chamou a netinha, e a convidou para ir junto ao quarto ajudá-la a escolher uma roupa, como a menina não se interessou, continuou insistindo e disse:
- Venha Eduarda, com a vovó,vou deixar você usar meus cremes.
Nem precisou terminar a frase,a menina já estava agarrada à sua mão.
-Vamos vovó!
  As duas foram caminhando lentamente,parecia que a vovó da pequena estava pensando em alguma solução rápida para que a garotinha esquecesse o tal brinquedo.
 A avó, pegou algumas roupas e foi espalhando sobre a cama, enquanto a menina estava abrindo os potes de creme, que eram os preferidos da minha amiga.
Para tirar a atenção dela, dos potes de creme, disse:
- Querida, você acha que a vovó está gorda?
-O que acha desta roupa em mim, hein?
A netinha fixou os olhos na vovó, colocou as mãozinhas na cintura e respondeu:
- Foi aquele meu primo,intrometido que falou isso de você?
Aí, parece que os ânimos se exaltaram,minha amiga ficou sem reação, se refez, tomou fôlego e respondeu que não, que seu primo nada tinha a ver com a sua pergunta,e disse:-quero saber a sua opinião, pois você sabe que gosto muito de comer docinhos e sou gulosa nas festas,e quero a sua ajuda, pois se me acha gorda não vou comer muito.
Mais calma, mas ainda com as mãozinhas na cintura, a pequena respondeu:
- Ah! Está bem,então o que você quer saber,vovó?
-Se estou gorda,minha querida.
A menina olhou bem para ela e disse:
-Você já é vovó,então não tem problema,pois as avós trocam de pele.
Minha amiga, teve que se sentar para segurar a sua estrondosa gargalhada,e pensou:- estou mudando de pele, posso comer tudo que quiser.
Ficaram mais um tempo na conversa e deu tempo de rir muito.
Chamaram-nas para a festa,todos já estavam ao redor da grande e bela mesa.
Minha amiga estava rindo sozinha,e disse-me:
-Você, não pode comer docinhos,depois te conto o porquê,e riu muito.
Durante o café,os convidados adultos ficaram perto para poderem conversar.
Aí, minha amiga,contou-nos a história hilária,no momento que ela falou que avós podem comer doces e podem engordar porque trocam a pele, as gargalhadas foram estupendas. Em seguida pediu a todos que já eram avós que levantassem a mão, e todos o fizeram, menos eu.
Então ela complementou:
-Todos podem comer de tudo,inclusive muitos doces,pois nada fará mal,se somos avós vamos trocar de pele. Muitas risadas.
Apontou o dedo para mim,e rindo muito disse-me:
- Amiga, você não é avó,por isso, se comer muito e provar os docinhos vai engordar e não trocará a pele, e gargalhou,e continuou, está escrito na grande sabedoria infantil,da minha amada neta,quem não é avó não troca de pele.
Mas mesmo assim eu comi muitos doces,e sem culpa alguma.

12 comentários:

  1. Boa noite de paz, querida amiga Marli!
    Que lindíssima prosa que me fez tão bem ao humor nesta hora da tardezinha que se vai.
    A netinha encantou a todos e a mim, com sua resposta e a amiga pela sua inteligência ao atraí-la para outro foco.
    Adorei passar por aqui, muito bom!
    Também adoro doces... Hum! Mas, como vou trocar de pele, não tem problema, posso seguir comendo, rs...
    Tenha uma noite feliz e abençoada!
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia de paz de Primavera, querida amiga Marli!
      Passando e deixando um convite, se desejar.
      Tem carinho para nossa querida Lourdes e você aqui:
      https://espiritual-marazul.blogspot.com/2019/09/amorosa-homenagem.html#comment-form
      Tenha uma tarde abençoada de Primavera!
      Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem

      Excluir
  2. Muito bom o seu texto :))

    Hoje:-Para além do infinito

    Bjos
    Votos de uma óptima noite

    ResponderExcluir
  3. Io sono un nonno e i dolci mi piacciono molto.
    Buon giovedi

    ResponderExcluir
  4. Uma história adorável. Vou acreditar que vovó muda de pele…
    Uma boa semana.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  5. rssssss, criança fala a verdade, sim! Mudamos de tudo!!! Ela foi boazinha. Ela não sabe ainda que depois de certa idade passamos a adorar doces! Uma desgraça.
    Adorei, querida amiga, crônica do nosso cotidiano, mais do que verdadeira!
    Beijo, uma ótima semana.

    ResponderExcluir
  6. Criança diz verdade dela
    Não seletiva, a sentida
    Na alma e que dá guarida
    Na mente a qual nos revela

    Com ingenuidade tão bela
    Que comove e dá mais vida
    À vida tão apetecida
    Do amor em alma singela.

    Parabéns pela netinha
    Que ora de vagar caminha
    Seguindo os passos da avó

    Vó coruja que se alinha
    Com a infância que ela tinha
    E a faz sentir em uma só.

    Grande abraço! Laerte.

    ResponderExcluir
  7. Marli mais uma crónica mundana, das tuas sempre bem interessantes. No a vóvó, da tua crónica, acabou com o foco da discórdia estava a germinar, em dia de festa. Quanto aos doces, "um dia, não são dias". Bjs

    ResponderExcluir
  8. Achei muito interessante atualmente esta sua postagens. Parabéns!
    Numero dos famosos

    ResponderExcluir
  9. Olá, Marli!

    Tudo bem por aí com você e família? Por aqui, tudo normal.

    Fazia tempo k não passava por seu blog, pke estive de férias, mas agora recomei a dar aulas, e já estou mais no blog.

    Que história engraçada e com inteligência! Há crianças, que têm sempre resposta na ponta da língua e a neta de sua amiga é uma dessas. Vamos ver no mundo adulto, como ela se desenrascará.

    Nem eu, nem você somos avós, mas você ainda pode vir a ser, pke tem um filho, mas eu não tenho descendência por opção. Tô "desgraçada"-rs, pois não trocarei de pele-rs.

    Beijos e feliz Primavera!

    ResponderExcluir
  10. Achei este conteúdo interessante e compartilhei em meu facebook.
    Saude cap

    ResponderExcluir

Ditados populares

Imagem tirada do Google.     Existem muitas expressões ou ditados populares, que às vezes não são entendidos, principalmente pelas...