Apreciadores de Um Naco de Prosa

15 de dez de 2015

Depressão ou tristeza

Hoje, soube de mais uma morte por suicídio, um jovem, recém
saído da adolescência, deu um tiro em seu ouvido. Triste, pois nos perguntamos : Por quê? Ele tinha tudo ,família, bom colégio, era jovem e bonito, nada lhe faltava. Fiquei analisando as conversas, e agora, resolvi registrar alguma coisa sobre o assunto. Com certeza, ele estava em um quadro depressivo muito forte, a irmã confirmou que ele estava em tratamento, mas que estava melhor. Talvez, foi neste momento que mais faltou tudo a ele, o amor da família, a fé, o apoio espiritual. Estava em tratamento, isso quer dizer, a cura foi entregue em uma caixa de comprimidos, que talvez foi deixada de lado, quando sentiu melhora. 
Dizem algumas pessoas que a depressão não existe e se existe não deve ser tratada com medicamentos. Por que não?
É claro que não se deve confundir, uma grande tristeza com a depressão, todos em alguma altura da vida, vamos perder alguém que amamos, perder emprego, perder amigos e tantos outros fatos que nos deixarão sem chão.  Aí, a tristeza vem e devemos passar por ela, só assim poderemos fazer a comparação de quando estamos bem e felizes.
Sob a perspectiva médica, a depressão é um conjunto de sintomas que merecem atenção profissional (médica e psicológica ), sem esquecer da parte espiritual.
Há ainda muito preconceito com esta doença, e muitos substituem o tratamento médico pelo religioso devido ao preconceito e por falta de informação, esquecem que a medicina é uma bênção do Senhor Jesus. 
ELE usou o figo para curar a ferida do rei Esequias, com isso, Jesus mostrou que a medicação precisa ser usada.
O Evangelho nos traz diversos relatos sobre doenças e nos fala sobre depressão e tristezas, vejamos alguns exemplos: o Profeta Elias, o apóstolo Paulo sofria com tremores e tristezas, Jó, Jeremias amaldiçoou o dia, e muitos líderes e vultos do Velho Testamento passaram por isso.
A oração tem poder que é imensurável, a vigília deve ser constante, por isso: Vigiai e orai!
Para a cura deve haver o tripé: Deus (Fé) , família e medicação. 


"A preocupação deveria levar-nos à ação e não à depressão."

12 comentários:

  1. Triste muito triste isso. Ficamos impotente diante desse fatos.
    Que Deus nos ajude a olhar com compaixão aos que sofrem desse mal.Bjs amiga.

    ResponderExcluir
  2. Depressão, a pior doença que existe, pois quando deprimida, a pessoa esquece de se cuidar, deixa tudo para trás, ainda bem que há medicação para o mal e é só a família ter essa conscientização, pois o doente não irá se cuidar, precisa de apoio, muito apoio!
    Boa postagem conscientizadora, embora se lamente a morte precoce do jovem, muito triste mesmo!
    Abraços linda amiga Marli!

    ResponderExcluir
  3. E cada vez temos mais jovens depressivos.. por muitas razões..ou porque não têm emprego, etc... é uma tristeza, ver os nossos jovens partirem assim

    Beijinho de boa noite

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  4. Oi Marli,a depressão se não curada,leva para grandes consequências,como o suicídio.
    Linda postagem.
    Bjs e um ótimo dia.
    Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  5. Lamento demais quando leio esse tipo de notícia. E não apenas por se tratar de um jovem, mas porque a depressão é uma doença e como tal há que ser diagnosticada e tratada. A família e a fé muito ajudam.

    Marli, aproveito a oportunidade para lhe desejar um iluminado Natal, ao lado dos que lhe são queridos. E que 2016 lhe chegue de braços abertos, com as cores da paz e da esperança. Bjs.

    ResponderExcluir
  6. Marli, no teu precioso (Naco de Prosa)texto, há a notar algo explicito. Nada faltaria ao jovem, no caso, terá sido mesmo isso que o deprimiu. A ausência de uma causa, para lutar, já que a falta de causas serão o principal motivo de suicídios.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Pois é, querida amiga Marli, somos criaturas frágeis, que em determinado momento da vida poderemos necessitar de ajuda tanto da medicina quanto do mundo espiritual. Desejo-te todo o sucesso possível para o teu livro. Deixo aqui o meu abraço e os votos de um feliz Natal e um maravilhoso novo Ano.

    ResponderExcluir
  8. Já que a família lhe proporcionava tudo, será que o suicídio não foi provocado por alguma desilusão amorosa?

    Abraços, Feliz Natal e um 2016 com muito amor, saúde, paz e felicidades para ti e para os teus.

    Furtado.

    ResponderExcluir
  9. Amar é querer estar junto, e se separados, unidos pelo pensamento, pelos objetivos, pelos mesmos desejos. Que neste Natal possamos desfrutar juntos da alegria e das festas! Que o próximo ano seja para nós uma constante troca de ternura e realização de nossos sonhos e desejos.
    Bjssss

    ResponderExcluir
  10. A depressão existe cada vez em gente mais jovem. É uma verdade muito triste. Este texto merece reflexão...
    Desejo um Natal cheio de conforto e um Ano Novo com muita Saúde, Paz e Amor.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  11. Diante da fragilidade do ser humano temos que estar atentos para saber diferenciar uma tristeza de um quadro depressivo. Essa fragilidade emocional tem sido a causa de tantos desatinos
    Obrigada por sua doce companhia e que nos próximos 365 dias haja novos encontros que nos permitam intensificar os elos de carinho e terna amizade
    Desejo que a caixa de presente que você receber venha cheiinha de
    ternura, compreensão, bondade, esperança, fé, perdão, paz e muito amor
    Um natal feliz e um ano novo pleno de êxitos
    Beijokas perfumadas

    ResponderExcluir
  12. Depressão é uma doença triste como todas as de origem psico-afetivas...tem coisas que simplesmente...não acontecem. Graças a Deus que a medicina já avançou com os medicamentos anti-depressivos. Na minha família, quase todos temos depressão e minha mãe sofreu muito pois naquela época não havia tratamento fora os calmantes. Nem gosto de pensar...bom esse seu post falando também do lado espiritual. a doença é tão antiga que foi citada na Bíblia, mas Jesus é o Caminho, a Verdade e a Vida. Graças a Ele e aos medicamentos eu tenho hoje uma qualidade de vida melhor. Por isso, eu aconselho a quem ler esse comentário: Nunca solte a mão de Deus, haja o que houver. Muito obrigada por eu ter tido a oportunidade de fazer essa leitura e deixar esse comentário. Que Deus a abençoe.

    ResponderExcluir