30 de abr de 2014

Pelo Dia do Trabalhador


 
Dia 1º de Maio comemoramos o Dia do Trabalhador.

Esta data nos remete a um passado cercado de lutas, reinvin 
dicações e sangue.

Fico imaginando como seria se “o lutar” por um ideal, por melhorias que não exigisse o derramamento de sangue.

Vencendo, assim, o lado que melhor argumentasse com palavras, não com armas.

No ano de 1886, na cidade industrializada de Chicago, milhares de funcionários foram às ruas reivindicando melhorias no trabalho, entre elas a diminuição da jornada de trabalho de 13 para 8 horas. Neste mesmo dia, 1º de Maio, houve greve geral nos estados Unidos.
 

 
Dois dias depois, um conflito envolvendo policiais e trabalhadores, provocou a morte de alguns manifestantes.

No dia 04 de Maio, num conflito de rua, manifestantes atiraram bombas contra policiais, matando sete deles. Foi o estopim para que os policiais atirassem no grupo, causando a morte de doze manifestantes e outras dezenas de pessoas feridas.

Foram dias marcantes na história da luta dos trabalhadores. Para homenagear aqueles que morreram no conflito, a Segunda Internacional Socialista, ocorrida na capital francesa em 20 de junho de 1889, criou o Dia Mundial do Trabalho, que seria comemorado em 1º de maio de cada ano.

Aqui no Brasil a data foi reconhecida em 1925, pelo então presidente Artur Bernardes. Anos mais tarde, em 1940, Getúlio Vargas institui o salário mínimo, afirmando que ele deveria suprir as necessidades básicas de uma família (moradia, alimentação, saúde, vestuário, educação e lazer) .

Ainda há muito para se conquistar, as greves atuais estão aí para nos provar isso. Os valores salariais estão defasados, não acompanham o índice inflacionário que temos no Brasil.

Quantas e quantas vezes ouvi pessoas dizendo: “eles ( o governo ) aumentam R$ 50,00 o salário mas antes aumentaram os alimentos, os remédios, não adiantou de nada”.

Não há melhorias sem reinvindicações, não há conquistas sem lutas.

E continuo aqui pensando quantos trabalhadores perdemos nas ruas do Brasil que lutavam por melhorias empregatícias para todos nós...

E é para eles, também, que o Naco de Prosa dedica esse dia, o Dia do Trabalhador.

16 comentários:

  1. Oi Marli
    Que cada trabalhador tenha realmente um bom motivo para comemorar.
    Beijos e um maravilhoso feriado para você
    Gracita

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia, Gracita
      Que assim seja, minha querida amiga.
      Obrigada ! Tenha um dia abençoado. Beijos!

      Excluir
  2. Bom dia

    Feliz dia 1 de Maio. ( a luta continua) lool)

    Passo para desejar um excelente dia.

    Beijos

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Cidália,
      obrigada pela visita e comentário. Tenha um lindo dia.
      beijos!

      Excluir
  3. Olá Marli!
    Muito legal a postagem, contando toda a história desse dia em que nós todos somos homenageados.
    Grande abraço e sucesso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia, Evandro
      obrigada pela visita e comentário. tenha um lindo dia. Abraço!

      Excluir
  4. Obg pela partilha, Marli...
    Por cá, o 1.º de Maio, vivido em liberdade, ocorreu após a Revolução dos Cravos, a 25 de Abril de 1974, depois de um longo período de ditadura.
    Desde há uns 2 anos, têm-se agravado as condições de vida e reclama-se um novo 25 de Abril...
    No meu blog os últimos 3 poemas revelam bem o estado de tristeza a que chegamos.
    Bjo, Marli :)

    ResponderExcluir
  5. Acredite no Tempo, na Amizade, na Sabedoria, e principalmente no Amor.
    Aí com certeza um dia eu, a Felicidade, baterei em sua porta.
    Tenha Tempo para os seus sonhos,
    eles conduzem sua carruagem para as estrelas.
    Tenha FÈ em DEUS.
    Tenha um excelente Final de semana
    E não esqueça, SORRIA sempre para a vida.
    O sei sorriso pode alegrar a vida dos que te cercam,
    e a minha também.
    Deus abençoe poderosamente seu final de semana.
    Beijos no coração carinhos na alma.
    Até sempre se Deus me permitir.
    Carinhosamente...Evanir

    ResponderExcluir
  6. Gasparzinho3/5/14 23:50

    Merecida homenagem a todos os trabalhadores de todos os tempos! Sem esquecermos dos aposentados, que tanto fizeram por este País e tão pouco retorno recebem do governo.
    Abraços do amiguinho camarada.

    ResponderExcluir
  7. Olá Marli,
    De fato! Uma homenagem muito merecida. E isso nos remete ao tempo em que foram feitas grandes lutas pelos direitos trabalhistas.
    Parabens por esta iniciativa de caráter social.
    Geraldo

    ResponderExcluir
  8. Dia do Trabalhador é todo dia, pois estamos sempre de pé esperando o melhor.

    bjokas e uma linda semana =)

    ResponderExcluir
  9. Marli,seu texto ficou incrivel e uma merecida homenagem! Os trabalhadores do mundo todo merecem ser bem remunerados e ter boas condições de trabalho. Adorei a musica do blog: Pedro pedreiro! Tudo a ver! bjs,

    ResponderExcluir
  10. Oi, Marli, ser trabalhador (não tem outra escolha) é uma luta contínua em que a parte fraca sai sempre perdendo. Você disse muito bem, antes do tal aumento ridículo, tudo sobe. Tem jeito? Jamais. Mas agora vem futebol, circo e cerveja...

    Beijão!

    ResponderExcluir
  11. Olá, Marli!

    Obrigado pelo simpático comentário, e por se ter feito seguidora - gesto que com todo o gosto retribuo.

    "Quem luta nem sempre ganha, mas quem não luta perde sempre", verdade indesmentível na maior parte doa casos.E que bom seria que o confronto se ficasse pelo esgrimir de argumentos...

    Bonito post!
    Um abraço
    Vitor

    ResponderExcluir
  12. Marli
    Nascer trabalhador, apesar de se pertencer à maioria, para ascender a melhores condições de vida, sempre foi necessária muita luta. Cada vez que a economia está em retrocesso, como aconteceu agrara aqui, tudo parece querer voltar a retroceder.
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Há muito se luta para obter salários dignos e condições de se viver, de fato. E essa batalha nunca terá fim, eis que o trabalhador, o verdadeiro trabalhador, permanecerá à mercê de patrões e de governantes insensíveis e insensatos. Bjs.

    ResponderExcluir

O valor das pessoas

Nessas andanças pela vida, ouvimos, lemos e falamos sobre muitas coisas... Após o lançamento de um livro, cujo título mexeu  com minha ca...