29 de nov de 2013

Ponto de Vista

É de conhecimento público que o sertão nordestino sofre todos os anos com estiagem e descaso dos políticos deste País.
Este ano tivemos novamente animais morrendo de sede e os homens sertanejos sem perspectiva de como farão para sustentar as suas famílias. 
 Desde que me entendo por gente eu ouço falar dos problemas sérios que o Nordeste e Norte enfrentam, e muitos estudiosos afirmam que sim, há como salvá-los da seca.
Muitas regiões e cidades são esquecidas por completo pelo poder público.
São tratadas como se não fizessem parte do mesmo país, como se fossem um estorvo, um mau agouro.
Muitos documentários já foram feitos e exibidos, muitas músicas, muitas crônicas e poemas.
Não há interesse, não há comprometimento, não há auxílio, não há mão estendida para parte do nosso povo.
Como se eles tivessem cometido o pecado de terem nascido.
O homem sertanejo não quer esmola, não quer migrar para São Paulo, ele quer ficar na sua terra, cuidar da sua família e tirar seu sustento.
Um mesmo país, mas tão diferente...!
Luiz Gonzaga foi um dos responsáveis por trazer, em forma de canção, as mazelas do sertão. Além das suas músicas que alegram as festas juninas e as danças típicas do nordeste, ele conta como é a vida do homem sertanejo, suas dificuldades, e como ele tenta, a todo custo, trazer de volta sua dignidade há tempos rachada junto ao solo do sertão.
Este capitalismo selvagem que faz das pessoas robôs sem interesse nos problemas de seus semelhantes, principalmente quando esses problemas estão no outro lado do País.
Este capitalismo que constrói estádios dignos de primeiro mundo em Recife, e na cidade ao lado as crianças tomam água com barro misturadas com açúcar.
E os irmãos sertanejos vão definhando e os que sobrevivem mantém a esperança de que o próximo governante olhará para eles com respeito e fará valer sua posição política.
Luiz Gonzaga é conhecido como o rei do baião, mas com sua sanfona ele foi muito além das músicas festivas, trazendo à tona um pedaço do Brasil que precisa ser olhado com respeito e com hombridade pelos políticos. 

Vozes da Seca

Luiz Gonzaga

Seu doutô os nordestino têm muita gratidão
Pelo auxílio dos sulista nessa seca do sertão
Mas doutô uma esmola a um homem qui é são
Ou lhe mata de vergonha ou vicia o cidadão
É por isso que pidimo proteção a vosmicê
Home pur nóis escuído para as rédias do pudê
Pois doutô dos vinte estado temos oito sem chovê
Veja bem, quase a metade do Brasil tá sem cumê
Dê serviço a nosso povo, encha os rio de barrage
Dê cumida a preço bom, não esqueça a açudage
Livre assim nóis da ismola, que no fim dessa estiage
Lhe pagamo inté os juru sem gastar nossa corage
Se o doutô fizer assim salva o povo do sertão
Quando um dia a chuva vim, que riqueza pra nação!
Nunca mais nóis pensa em seca, vai dá tudo nesse chão
Como vê nosso distino mercê tem nas vossa mãos 



35 comentários:

  1. É uma honra poder ter lido estes textos!!!! as fotografias selecionadas de tamanho bom gosto.
    Sou filha e neta de nordestinos, e sempre ouvi dentro de casa o sofrimento e as alegrias sobre o sofrimento destas pessoas.
    Agradeço sua visita e já adianto que seja sempre bem vinda, com seus comentários e sugestões, é assim que geamos energia positivas entre as páginas, a nossa internet anda doente com tanta agressividade e imoralidade das paginas chamadas "sociais".
    Beijinho em seu coração
    Nicinha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nicinha, obrigada pela visita e tão nobre comentário, sendo filha e neta de nordestinos, com certeza você sentiu e sente as agruras que o nossos queridos irmãos nordestinos passam.Pena que os bons , que fazem a diferença em nosso mundo estão se mudando para o outro mundo. Beijos grande!

      Excluir
  2. Desde que me conheço por gente, vejo o sertão nordestino sofrer todos os anos com a estiagem e os reflexos decorrentes. E o poder público continua no mesmo passo: não está nem aí. Se esse problema for resolvido os candidatos não mais poderão barganhar votos. Então, acho que, infelizmente, esse caso vai continuar assim a não ser que haja uma mudança genética na humanidade em relação à ética, ao poder e ao dinheiro. Para mim isso é um crime que não consta no Código penal mas que poderia constar e bem que poderia chamar-se "estelionato eleitoral". Amei o post. Parabéns. Bjs, Marli

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Marli, minha querida xará.Realmente, você tem razão,pois se os políticos solucionarem os problemas sociais do Nordeste, ficarão sem sua galinha dos ovos de ouro. Infelizmente, vamos ter que aguentar firmes e ver o nosso querido povo sofrer. Quanta injustiça. Obrigada, Marli e grande abraço!

      Excluir
  3. BOM DIA

    Em Portugal como no Brasil..O interior é sempre esquecido como se não existisse
    Até parece que os políticos estudaram TODOS nos mesmos livros

    Bom fim de semana

    Deixo abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ricardo, pensei que em Portugal as coisas fossem diferentes,mas parece que você tem razão os políticos, realmente estudam pela mesma cartilha. O que é muito ruim para todos, em um mundo que somos todos irmãos. Grande abraço!

      Excluir
  4. Peço desculpa mas derivado a um erro meu, troquei mensagens e tive que apagar.

    Bom fim de semana
    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Cidália, eu realmente estranhei a sua resposta e não conseguia entender qual o comentário que eu havia feito, fiquei buscando aqui para entender você rsssssssssss Volte sempre . Grande abraço!
      Bom final de semana!

      Excluir
  5. Um problema triste e recorrente que afeta e afetará muitos anos ainda o povo, já que nada é feito para sanear o problema, aliás, como tudo nesse nosso BRASIl. O povo sempre leva a pior! beijos,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chica,com certeza não há interesse em resolver os problemas do Nordeste,pois há muitas coisas que os políticos perderão com isso.Infelizmente, é para chorar. Beijos!

      Excluir
  6. Olá Marli, e que tudo esteja bem!

    Pois é prezada Marli, a vida nos pede tão pouco para continuar ao nosso lado que os escravos do capitalismo vêm este tão pouco como um modo de eles acumularem mais e mais riquezas, ainda que seja ao custo de milhares de vidas do próprio semelhante. Ah, os políticos se preocupam sim, uma vez a cada quatro anos, para sempre manter viva a indústria da miséria, pois somente assim a cada quatro anos eles conseguem voltar aos seus queridos cargos, que por sentir dever favores, muitos de nós entregamos nas mãos deles!
    E assim por cá passei, deveras agradecido por cá cheguei, li, admirei e deste teu espaço gostei, por tantos pensamentos intensos que são cá compartilhados, e, com enorme prazer estes bons momentos fiquei!
    E assim grato por tua gentil visita e generoso comentário meu rastro deixei, e claro, sem promessa de assiduidade diária esteja certa que sempre que possível por cá estarei, e por tua amizade também deixo cá meu desejo para que seja sempre tão feliz e intenso o teu viver, um abraço e, até mais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sotnoas, belo comentário.Nós criticamos os políticos ,sendo que os colocamos para nos comandar.Se nós, o povo brasileiro ou irmãos em Cristo nos uníssemos para juntos lutarmos pelos direitos de todos, não votando por troca de alguma coisa, penso que tudo seria melhor,mas no momento só nos resta apontarmos o dedo.... Obrigada! Grande abraço!

      Excluir
  7. Um absurdo a situação vivida, e a informação que chega através da imprensa , ainda é mascarada, tão triste.
    Bom final de semana
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ângela,há muita situação, até pior que esta,no nordeste, mas nos são escondidas ou passadas veladamente.Há de se ter uma solução ,mas basta saber quem a executará, pois os políticos ganham muito com a pobreza. Triste! Beijos!

      Excluir
  8. Uma realidade triste que tem alimentado a mídia constantemente, mas muito pouco se tem feito para eliminar este quadro de durezas e sofrimentos. Comparo a tristeza e a dor do sertão como as dificuldades da África que sempre existiram, muitas pessoas tiram proveito do problema, mas passa-se anos e anos e tudo continua lá...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Malu, realmente sabemos que ainda há muitos povos que sofrem com a miséria em todos os sentidos. Não só no Brasil, como você citou. Penso que ainda vamos assistir a muito sofrimento. Obrigada! Beijos!

      Excluir
  9. Disse grandes verdades nesse texto, amiga. A seca é tratada com descaso, vira mais é palanque eleitoral. É duro ver pele tevê os animais morrendo, a chão todo rachado. Essa é uma verdade que disse. A outra é que Gonzagão, era um gênio, e que ninguém como ele cantou as durezas do sertão, eu até já fiz um texto sobre ele falando sobre isso. Sou muito fã dele, e ele ,é unanimidade no meio artiístico, todos o respeitam demais. Agradeço sua visita, espero que volte mais vezes. Seguindo seu blog. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Carlos, que bom que gostou do texto e, é fã do Gonzaga.Penso que a seca ainda vai ser o pano de fundo do nordeste,pois dá muito dinheiro,mas que não chega aos necessitados. Triste realidade. Obrigada! Beijos!

      Excluir
  10. É triste mas a pura verdade minha querida!
    Tenha um excelente fim de semana!
    Beijinhos até o infinito...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Zizi, minha linda, bem verdade que a tristeza é grande, resta-nos rezar e esperar que Deus mande alguém capaz de resolver com honestidade este problema. Grande abraço!

      Excluir
  11. Marli, eu daqui de Lisboa, adoro a cultura, naturalmente os doutos políticos também. Mas tem uma coisa, o poder deve intervir para que o sertão não viva apenas da sua cultura de rasgos individuais e de dificuldades. O povo sertanejo tem o direito de exigir que a economia emergente. do Brasil, também seja canalizada para o nordeste e desviada dos congéneres do mensalão.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Daniel, penso como você,mas será que esta canalização para o nordeste é possível?
      Como você citou o mensalão....como ficarão os demais que roubam o dinheiro que iria para o nordeste, para resolver o problema da seca? O nordeste, penso eu, seja uma galinha dos ovos de ouro .... Abraço!

      Excluir
  12. É patético o que passa no nordeste sequioso do Brasil, quando se sabe este país ter já uma economia emergente.
    Abraços

    ResponderExcluir
  13. Gasparzinho1/12/13 16:51

    Muito bem! Uma realidade que muitos fazem questão de esconder e fingir que não existe! Temos que divulgar cada vez mais esta vergonha, em blog, face, site, jornal, TV, rádio, revista, etc... Nosso País, nossos irmãos, que morrem de fome e sede enquanto os políticos esbanjam o dinheiro que era destinado a salvar a vida desses homens. Espero que um dia alguém olhe com respeito e devolva a eles dignidade.
    Abraços do amiguinho camarada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Gasparzinho, penso que está longe o dia em que alguém surja para resolver tais problemas. Sinto, pois são nossos irmãos que sofrem, nós na realidade só podemos fazer isso: divulgar tanta vergonha, tanta falta de sensatez por políticos que nem podem ser considerados humanos.
      Veio-me a pergunta:- onde está seu blog? Tem face? rsssssssssss. vamos unir nossas vozes através da escrita que já nos deixa com a sensação de um pouco do dever cumprido.Grande abraço e bom final de semana! Obrigada pela visita e comentário de quem sabe das coisas.

      Excluir
  14. E sabe do o que é pior?
    A maioria do congresso nacional é Nordestina.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Claudio, com esta verdade o nordeste poderia ser um pedaço do Brasil, muito bem resolvido, mas infelizmente, a ganância de muitos fala mais alto. Abraço!

      Excluir
  15. Puxa,que excelente postagem! Nossos irmãos nordestinos,tão fortes,não precisam mesmo de esmolas,mas de politicas públicas eficientes! Bjs e boa semana pra vc!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anne, infelizmente nem as esmolas chegam a eles, ficam para os mais miseráveis (de alma) alguns políticos, principalmente os que são da região.Triste situação. Obrigada, Anne. Beijos e bom final de semana!

      Excluir
  16. Bom dia Marli, é uma realidade muito triste, mas infelizmente digo infelizmente a grande maioria dos votantes brasileiros reside lá e são eles que na maioria das vezes elegem os governantes do nosso pais, se elegeram também cabe reivindicar...bjks que sua semana seja iluminada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Loivarice, tem toda a razão, mas infelizmente, vão votar novamente e continuar a sofrer. Vamos rezar para que um dia os corações se amainem para o bem. Beijos e bom final de semana.

      Excluir
  17. Olá,
    Sua chamada de atenção para a seca é importante, faz-nos pensar como é possível os responsáveis que tem o dever de evitar o sofrimento, não arranjarem um solução para o problema que pelos visto se agrava ano após anos.
    Abraço
    ag

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, eles não fazem o menor esforço para resolver porque a fonte vai secar para os bolsos de alguns políticos. Com isso, a situação só vai se agravar. Abraço!

      Excluir
  18. Olá Marli

    Sabe porque nada é feito? Porque assim o nordeste recebe verbas que ficam nas mãos dos políticos estaduais que vão gastar este dinheiro, no exterior. Isto sem contar a ajuda internacional. E claro as bolsas não as fashion bags, as nacionais criadas por nossa caridosa Dilma, B família, B gás, B presidiárisos. Sim aqui é o único país onde o cidadão ganha mais estando na cadeia que trabalhando honestamente…
    Adorei o blog e estou te seguindo.

    AMIGA DA MODA by Kinha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kinha,gostei de sua visita e amável comentário. Infelizmente você tem toda a razão em seu comentário.Com isso, temos a certeza, de que a situação atual vai continuar por muito,mas muito tempo... Abraços e bom final de semana!

      Excluir

Criticar ou não criticar?

Às vezes o que precisamos é apenas um filme que nos traga algo de bom. E esses dias eu estava a procura de algo bom, delicado e encontrei...