25 de abr de 2011

Mário Quintana - Bilhete

BILHETE





Se tu me amas,
ama-me baixinho.


Não o grites de cima dos telhados,
deixa em paz os passarinhos.


Deixa em paz a mim!


Se me queres,
enfim,


.....tem de ser bem devagarinho,
.....amada,


.....que a vida é breve,
.....e o amor
.....mais breve ainda.

Mário Quintana







14 comentários:

  1. Muito lindo esse poema, beijos.

    ResponderExcluir
  2. oi Marli,
    escolheu muito bem...

    ama-me baixinho,
    queira-me devagarinho,

    é muito lindo
    é muito doce
    amei...

    beijinhos
    linda terça

    ResponderExcluir
  3. Marli, eu amo este poema do Mario Q. E é um dos meus favoritos no mundo da escrita 'famosa' . Muito grata por ter colocado ele hj... Emocionei. bj
    Catita

    ResponderExcluir
  4. Arnoldo,obrigada pela sua amável e rica visita ao meu espaço,considere-o seu também.E volte sempre.Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  5. Rô,fico feliz sempre que a encontro aqui.Obrigada minha amiga e volte sempre.
    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  6. Catia,o objetivo do blog foi atingido ao saber de você sua emoção.Obrigada pela visita e comentário.Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  7. Quando sua página abriu e vi esse poema, adorei. Eu o tenho guardado há tempos, em uma folha de papel antiga (rss). Quando o li pela primeira vez fiquei encantada e copiei. O tempo passa, nossas emoções não. Veja só, você as reviveu hoje com Mario Quintana.

    ResponderExcluir
  8. Marilene,que bom que fiz você feliz com um poema,só os corações sensíveis é que o sentem.Obrigada pela visita.Volte sempre,pois vou fazer postagens que deixem a todos sentindo a leveza da alma.Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  9. Lindo! Lindo! Carregado da beleza do Quintana...
    Abraços

    ResponderExcluir
  10. Adorei o blog e a forma como resgata nossos grandes autores. Já estou te seguindo. Gostaria de agradecer o comentário à poema descopncertado no blog do gambiarra profana e convidá-la a visitar meu blog pessoal
    http://emaranhadorufiniano.blogspot.co
    Comentário serão bem vindos. Bjs!!!

    ResponderExcluir
  11. Malu, você sempre tão presente e gentil.Obrigada pela sua visita.Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  12. Marcio Rufino,seja bem vindo a este espaço e o considere seu também.Volte sempre e obrigada pelo comentário.Com certeza visitarei seu blog.Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  13. delle volte l'amore è talmente silenzioso che prende troppo una amato e niente l'amante solo così dura una vita tutto il resto è più breve.

    ResponderExcluir
  14. Bem... do assunto Pânico pulei para o Mário Quintana! Ainda bem que a vida tem suas compensações! Olhe a diferença...

    Beijos, amiga.
    Tais Luso

    ResponderExcluir

Sejamos o milagre

Costumo dizer que nunca um filme é 100% perdido, mesmo aqueles que não caem em nosso gosto artístico por completo. Sempre há possibilidad...